Histórias

Associação Qualifica / oriGIn – 40 concursos para promover Produtos Tradicionais Portugueses

A 7 de Junho de 2015, a QUALIFICA constituiu-se como secção portuguesa do Movimento Internacional oriGIn – organização não-governamental, criada em 2003, para responder ao fenómeno crescente das usurpações que afetam as Indicações Geográficas (IG ou, em terminologia inglesa, GI). A constituição da secção portuguesa da oriGIn tem como objetivo estruturar ao máximo os Agrupamentos de Produtores gestores de IGs, dando-lhes força e capacidade de luta contra prepotências, fraudes e usurpações, defendendo e promovendo as IGs portuguesas em todo o mundo, nomeadamente através da rede internacional do oriGIn.

No atual contexto de pandemia Covid 19, a QUALIFICA / oriGIn Portugal têm vindo a efetuar diligências no sentido de encontrar formas de apoio urgente aos agentes económicos locais, nomeadamente pequenos produtores de produtos tradicionais portugueses – sendo a parceira com a Oikos, através do SmartFarmer, uma forma de dar maior visibilidade aos produtores e de potenciar a venda direta ao consumidor final através do Marketplace www.smartfarmer.pt.

A QUALIFICA / oriGIn Portugal volta a colocar em destaque os produtos portugueses ao promover 40 Concursos Nacionais de Produtos Tradicionais Portugueses e um Concurso Nacional de Inovação com Tradição. As provas decorrem no âmbito da Feira Nacional de Agricultura / Feira do Ribatejo e do Salão Prazer de Provar que conta ainda com o CEPAAL – Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo que irá promover o Concurso Nacional de Azeites de Portugal e a FNAP – Federação Nacional dos Apicultores de Portugal que coordena o Concurso Nacional de Mel.

O objetivo é estimular a produção de qualidade, dar a conhecer os melhores produtos nas diferentes regiões do país, incentivar o seu consumo, promover o encontro de produtores, empresas, técnicos e apreciadores.

Com a realização destas atividades pretende-se premiar, promover, valorizar e divulgar a qualidade, especificidade e a diversidade dos produtos portugueses. Os Concursos Nacionais são uma excelente forma de dinamizar a produção e enaltecer o empenho, a resiliência e o trabalho dos melhores produtores do mundo. Da dinâmica destes concursos ressalta o facto de «todos os anos aparecerem novos concorrentes, mais produtos tradicionais, novas formas de apresentação e também alguma inovação sem perda de carácter, da personalidade e da tradicionalidade. Nos concursos que organizamos reconhece-se a qualidade de cada produto, o saber fazer, o mérito, a genuinidade, a tipicidade, a sustentabilidade e a origem.

Os interessados podem consultar o calendário em  https://concursosnacionais.pt/concursos/

Para além do calendário, poderão também consultar o regulamento, os critérios de qualificação dos produtos tradicionais, a data limite de inscrição, o envio de amostras, entre outras. É de realçar que a inscrição é exclusivamente eletrónica através dos formulários criados para o efeito.

Próximos concursos:

9º Concurso Nacional de Doces de Fruta Tradicionais Portugueses

  • Data limite de inscrição: 16 Outubro 2020
  • 20 OUTUBRO 2020

5º Concurso Nacional de Aguardentes Não Vínicas Tradicionais Portuguesas

  • Data limite de inscrição: 16 Outubro 2020
  • 20 OUTUBRO 2020

9º Concurso Nacional de Frutos Secos Tradicionais Portugueses

  • Data limite de inscrição: 16 Outubro 2020
  • 20 OUTUBRO 2020

2º Concurso Nacional de Entradas e Petiscos Tradicionais Portugueses

  • Data limite de inscrição: 16 Outubro 2020
  • 21 OUTUBRO 2020

2º Concurso Nacional de Cozinha Tradicional Portuguesa

  • Data limite de inscrição: 16 Outubro 2020
  • 21 OUTUBRO 2020

9º Concurso Nacional de Bolo Rei Tradicional Português

  • Data limite de inscrição: 6 Novembro 2020
  • 10 NOVEMBRO 2020

9º Concurso Nacional de Bolos Especiais de Natal Tradicionais Portugueses

  • Data limite de inscrição: 6 Novembro 2020
  • 11 NOVEMBRO 2020